segunda-feira, 18 de fevereiro de 2013

Don Camillo...Alegria Italiana em Copacabana

Hoje em dia é muito difícil entrar em um restaurante que nos ofereça boa comida, bom serviço e, sobretudo, música ao vivo!

Sem ser luxuoso, e ao mesmo tempo sem ser despojado, o Restaurante Don Camilo que está localizado na Avenida Atlântica, quase esquina com a Rua Bolivar, é um local requintado e um
bom exemplo do que foi citado acima.


Seguindo uma linha de comprometimento com a qualidade da comida e com o serviço, o restaurante serve tanto numa área interna com ar condicionado, como em outra que fica no calçadão, porém, sem que haja diferença entre o oferecido em um espaço ou no outro.

Vou frequentemente ao Don Camillo, e não me canso, já que o alto astral da casa e de todos aqueles que trabalham ali é extremamente contagiante, e isto se reflete no fato da casa estar lotada todos os dias, tanto no almoço quanto no jantar.

O cardápio é bem elaborado, com muitas opções, e irei descrever algumas delas:

O couvert é composto por azeitonas pretas à Calabresa (marinadas), cesta de pães variados, manteiga, Sardela (pasta com tomate e sardinha) e pasta de Manjericão.

Dentre as entradas, sugerimos os excelentes mexilhões graúdos refogados com vinho branco, alho e pimenta ou o carpaccio de carne com rúcula e lascas de Grana Padano, ou ainda a Foccacia Completa, que vem com Bufalina (muzzarela de búfala grande) e presunto de Parma.

Para os pratos de massa existe uma gama imensa de opções, mas, citarei aquelas que mais fazem o meu gosto, como é o caso do Spaghetti alle Vongole, fresquíssimos, sempre, e com um aroma maravilhoso. 
Temos também o Spaghetti Don Camillo, com molho de tomate, alho, azeite, camarões, e leve toque de pimentões vermelho e verde. 
Outro prato imperdível é o Tagliatelle al Nero di Sépia, onde a massa é tingida com a tinta da lula, e vem acompanhado de um molho com camarões, bacon, ervilha e anéis de lula.

Ahhh...tutto al dente, ou seja, ponto perfeito, claro!!

Para os peixes, vamos de Pargo Assado ao Sal Grosso (totalmente coberto com sal grosso), ou o Pargo em Cartoccio que é preparado dentro de um envelope fechado de papel alumínio, com vinho branco e servido com batatas, e ainda o Robalo Don Camillo que é assado juntamente com as alcaparras, molho de tomate e champignons.

Nas opções de carnes, destaque para a Costeleta de Cordeiro e o Ossobuco de Vitelo, que acompanhados de um bom vinho, deixarão saudades nas papilas gustativas.
Finalmente, chegamos às sobremesas, e como não poderia deixar de ser, temos o tipico Tiramisu, a Pera Cardinal (cozida no vinho branco) e o excelente sorvete de Torrone.

Mas tem o lado dos profissionais que são excelentes e que fazem a diferença, portanto, não podemos deixar de mencionar aqui alguns nomes, muito embora não será possível escrever o nome de todos, portanto, nos referiremos inicialmente às gerências do Amadeu e do Alberto, ambas primorosas, sendo que o primeiro é o responsável pelo almoço e o segundo pelo jantar.

Os maitres e sommeliers Assis, Rogério, Júnior e toda a equipe de garçons e comins que trabalham como um reloginho suíço, não deixando que a comida esfrie e nem que as mesas estejam sujas no intervalo entre um prato e outro.

Agora, sem dúvida alguma, temos que parabenizar e aplaudir enfaticamente ao trio de músicos da casa comandados pelo Maestro Salvatore Vommaro, um italiano de Salerno, que com seu acordeon brinda os clientes com lindas canções napolitanas e internacionais, todos os dias da semana, completando a festa.



Por tudo isto que é oferecido no Don Camillo, alguns deverão estar pensando que deve ser um lugar caro, não é mesmo?
 
Mas estão equivocados, pois é justamente aí que está a magia encantadora do Don Camillo, já que conseguem servir com qualidade, requinte e variedade sem que o preço seja incompatível com realidade do nosso país.

Somente aqueles que provarem do sabor de tudo que é servido neste restaurante, e desfrutarem da alegria da música, e do serviço profissional do staff, entenderá o por que da minha euforia e do meu entusiamo por este lugar.

Bravo à tutti!









Um comentário:

Ivanilo Bezerra disse...

Estive no Rio em julho do ano passado e fiquei encantado com o Restaurante Don Camillo. Boa comida, excelente atendimento e localização. Realmente, não é caro. Mas, o meu maior orgulho foi ter conseguido tirar uma foto ao lado do Salvatore, pois o que o mesmo tem de talento tem de sisudo. rsrs. Bela postagem, amigo Jacques e excelente dica aos apreciadores da boa comida.
Abraços!!!